O que um bom jogo educativo deve ter e qual é o mais indicado para cada idade

A palavra jogo honra muito sua origem, pois vem da palavra indo-européia ghem, que significa pular de alegria, o que significa que toda vez que jogamos sentimos uma grande felicidade e prazer. Dadas as emoções que desperta, recentemente, têm vindo a desenvolver-se e a ganhar força jogos educativos, que oferecem às crianças a oportunidade de aprender e desenvolver as suas capacidades enquanto se divertem. Descubra abaixo em que consistem esses jogos educativos, o que devem ter e qual é o mais adequado para cada idade.

Os jogos são tão importantes no desenvolvimento das crianças que é quase impossível não incluí-los no processo de ensino-aprendizagem; é por isso que os jogos educativos estão ganhando cada vez mais força nas salas de aula das escolas de todo o mundo.

Qual ​​é o propósito dos jogos educativos?

Independentemente da plataforma em que um jogo educativo é apresentado, seja ele tradicional ou mais relacionado à ciência e tecnologia, a primeira coisa a considerar são as habilidades que o jogo visa desenvolver na criança, estas se concentram em três áreas específicas:

Sócio-emocional

Eles buscam aumentar a socialização, a espontaneidade, a expressão de sentimentos e a resolução de conflitos, entre outras qualidades.

Físico - biológico

Aqueles que têm esse propósito, são capazes de desenvolver nas crianças a velocidade dos reflexos, as habilidades de movimentação, a destreza manual, os sentidos e a coordenação

Cognitivo – verbal

Esses jogos educativos são criados para desenvolver memória, agilidade mental, imaginação e criatividade, bem como atenção, pensamento, linguagem, compreensão do mundo e muitos outros.

Quais recursos um jogo educacional deve ter?

Independentemente da plataforma em que um jogo é apresentado, seja tradicionalmente ou mais relacionado ao mundo digital, existem certas características que ele deve ter para que adquira a qualidade educacional, dentre elas encontramos:

- A característica mais importante de um jogo educativo é o objetivo que persegue, pois permitirá que o professor estabeleça metas com os alunos.

- A longo prazo, e enquanto pratica, procura reforçar as competências que a criança, ou crianças, necessitarão para o futuro.

- Deve ter um meio ou plataforma para que você possa trabalhar em equipe, podendo ser tradicional, digital ou relacionado à tecnologia.

- Um ponto chave dos jogos educativos é que eles devem ter objetivos claros, que permitam reforçar, de forma divertida para a criança, os procedimentos, conceitos e atitudes que são perseguidos com o programa; no entanto, deve ficar claro que o objetivo não é que a criança memorize conceitos, mas sim incentivá-la a construir conhecimentos e habilidades.

- É importante que o jogo seja projetado para fornecer um espaço para estimular a criatividade e as capacidades emocionais e intelectuais.

- Por último, mas não menos importante, o jogo deve desenvolver habilidades nas quais a criança tem mais dificuldades.


Deixe um comentário

Observe que os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados