Isaac Newton

Falar de Isaac Newton implica rever algumas teorias que ainda vigoram e que são a base fundamental de grande parte dos avanços científicos e físicos do momento. Cada descoberta foi aceita e até mesmo seus cálculos matemáticos foram usados ​​por outros cientistas da época em seus experimentos.

Algo que fala das incríveis qualidades e habilidades que ele tinha na vida. Por isso, nesta ocasião gostaríamos de falar um pouco sobre a história de Isaac Newton e seu tempo na ciência. Além de mencionar as leis da física que explicam em profundidade sua teoria da gravidade universal.

Quem foi Isaac Newton?

Isaac Newton nasceu na Inglaterra em 25 de dezembro de 1642. Ele nunca conheceu seu pai desde que ele morreu antes de seu nascimento. Os primeiros anos de vida foram passados ​​com a mãe, mas quando se casou decidiu deixar a criança com os avós.

Desde então, seu aprendizado e ensino foram cercados por diferentes mentores que, inadvertidamente, o levaram a se interessar pela ciência. Por outro lado, aos 12 anos, Newton foi morar com o farmacêutico William Clarke, que possuía a melhor biblioteca da época e a que inspirou grande parte dos experimentos do jovem.

Foi aí que surgiu o seu interesse pelos relógios de sol e que por sua vez lhe permitiu basear as suas primeiras descobertas num relógio de parede com equações. Esse hobby o levou a determinar e encontrar os momentos exatos de solstícios e equinócios, entre outras coisas.

Aos 16 anos já experimentava o vento e determinava sua força pela distância percorrida entre cada salto. A partir de então, sua vida se concentrou em cuidar da fazenda de sua família, até que em 1660 foi enviado para Cambridge para iniciar seus estudos universitários.

O que Isaac Newton descobriu?

Isaac Newton teve a oportunidade de construir o primeiro telescópio refletor que deu origem às suas teorias, incluindo as leis de Newton e a lei da gravidade.

A essa altura, a questão de quem descobriu a gravidade permanece em aberto, pois, antes do surgimento da teoria newtoniana, outros físicos e astrônomos já tentavam explicar as razões dos movimentos das estrelas.

Os principais expoentes foram Copérnico, Kepler e Galileu, que ficaram para trás devido aos avanços de Newton. Ele alegou que os corpos eram atraídos por uma força equilibrada e igual em massa.

Descoberta que consiste em Newton e a famosa maçã que ele viu cair em 1666 de uma árvore em sua fazenda. Daí a teoria da gravidade newtoniana que explica a órbita lunar em relação à Terra e a dos planetas ao redor do sol.

No entanto, para chegar a essa conclusão e estabelecer as leis da atração, ele teve que recorrer a outros elementos matemáticos. Dando assim, com a invenção do cálculo diferencial e integral da matemática.

Em resumo, Isaac Newton propôs a lei universal da gravidade, avanços em mecânica, matemática, óptica e astrofísica. Como se isso não bastasse, ele criou a teoria da natureza da luz que é apresentada em detalhes no Tratado de Óptica de 1704.


Deixe um comentário

Observe que os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados